13 de maio de 2011

4. Carta para o meu irmão ♥


Meu querido irmão,
Sinceramente não sei o que hei-de escrever, pois tu já sabes o quanto eu te amo e o que quanto necessito de ti para ser feliz.
És um irmão maravilhoso, que me ajuda em todos os momentos, que me compreende e está sempre presente quando mais preciso.
És um irmão muito protector e adoro que o sejas, fazes de tudo para que nunca me aconteça nada de mal, mimas-me de uma maneira incontrolável. Eu sou muito mimada e uma parte disso devo-te a ti, por me fazeres sempre as vontades todas.
Lembro-me perfeitamente quando era pequenina e tu brincavas comigo e por vezes não corriam bem as brincadeiras, como quando caíste em cima da minha aranha.
Tu sabes o quanto me irritas quando aos sábados de manhã vens te mandar para cima de mim para que eu acorde e quando chegas a casa e vens-me logo chatear, é verdade que me irritas muito mas eu sem isso o meu dia não seria a mesma coisa.
Já me perguntaram e eu também já me perguntem na minha mente se eu alguma vez conseguiria viver sem ti, e quando pensei bem nisso o meu coração acelerou imediatamente só de pensar que te poderia perder. Acho que se recebesse a notícia que tinhas ido para o outro mundo sem mim, tinhas-me deixado aqui neste mundo frio e cruel onde só tu me protegias de todos os males. Tenho a certeza que não aguentaria e tinha de ir ter contigo para conseguir ser feliz para me sentir na minha área de conforto, onde tu me das aqueles miminhos que só tu meu irmão sabes dar.
Não sei como te hei-de agradecer por tudo o que tens feito por mim, tens me ajudado, protegido e mimado. Agradeço-te por me ajudares sempre quando preciso, principalmente naquelas situações mais complicadas onde são os poucos que me ajudam. Só os verdadeiros como tu é que têm forças para me ajudar.
Amo-te como nunca amei ninguém. É amor de irmãos, unicamente amor de irmãos. As nossas vivencias juntos, momentos magníficos e trágicos que passamos juntos. Nunca vou esquecer isso porque tu és e serás o meu irmão interno. Irmão do mesmo sangue que eu e que estarei sempre disponível para ajudar.

P.S. Prometo-te que nunca te deixo, nem quando partires para a outra linha onde não estamos juntos fisicamente mas sentimentalmente estaremos sempre ligados e essa ligação é tão forte que nunca ninguém nem nada à de a conseguir quebrar.
 
Com todo o carinho e amor,

                                                                                                                             Da tua irmã Ana  

2 comentários: